6 de mar de 2011

A poesia nossa de cada dia


"Olha devagar para cada coisa.
Aceita o desafio de ver o que a multidão não viu.
Em cascalhos disformes,
estranhos diamantes sobrevivem solitários."

Pe. Fábio de Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário